Funcionando como uma etapa de checagem de antecedentes, o Background Check ajuda a empresa a manter-se em compliance, além de mitigar potenciais riscos jurídicos, financeiros ou institucionais

Os avanços do machine learning e da digitalização dos dados têm possibilitado, a cada dia que passa, que mais empresas conduzam seus negócios com base na análise de dados e informações concretas. Para se ter uma ideia, tal cenário se tornou tão importante que, de acordo com a Gartner, já em 2022, 90% das estratégias corporativas mencionarão explicitamente os dados como ativos determinantes para seus os resultados.

Diante deste contexto, com o alto nível de informações disponibilizadas, tanto de empresas quanto de usuários, é importante estabelecer estratégias que evitem o vazamento de dados e informações sensíveis. Nesse processo, uma etapa fundamental é analisar os pontos de vulnerabilidade digital nos sistemas operacionais, prevenindo-se, assim, de possíveis cibercrimes.

Além disso, o onboarding digital, que aplica tecnologias disruptivas durante o processo de validação cadastral, é outra estratégia essencial. Permitindo um maior nível de automação na coleta, filtragem, validação e gestão das informações do usuário, o onboarding digital evita possíveis falhas durante a checagem, uma vez que conta com diversas etapas, garantindo que a validação seja feita de maneira segura, eficiente e em poucos segundos. Uma dessas etapas é o Background Check.

O que é Background Check e como ele funciona?

Background Check nada mais é do que a checagem de antecedentes do usuário para validar suas informações. Essa etapa é feita após uma análise profunda do documento de identificação, e tem como propósito averiguar todos os dados de determinada pessoa armazenados em bureaus.

Este processo é de extrema importância, já que visa manter a empresa em compliance e mitigar potenciais riscos jurídicos, financeiros ou institucionais que podem afetar a organização. Ou seja, ao analisar e ter essas informações em mãos, é possível avaliar quaisquer vestígios de ocorrências, irregularidades ou pendências do usuário que possam indicar possíveis problemas de natureza financeira, jurídica, comercial ou criminal. A análise passa por uma consulta de documentos e outras informações em bancos de dados que engloba:

  • CPF
  • CNPJ
  • CNH
  • Antecedentes criminais
  • Referências em outras empresas

Background Check
da Nextcode

Realizando uma pesquisa detalhada em mais de 3.000 fontes (bureaus de dados) públicos e privados, nossa solução de Background Check permite verificar se os dados estão de acordo ou se há algum indício de fraude. Após a busca em real time, que conta com o apoio de tecnologias como machine learning, retornamos o “dossiê” com todos os insumos para sua gestão de Background e PLD-FT. Com essa filtragem, é possível eliminar candidatos com histórico negativo ou participação em algum ato ilícito.

Vale reforçar que as empresas que não fazem esse processo de verificação de antecedentes estão expostas a diversos riscos, como tentativas de golpes, fraudes, roubos e até crimes cibernéticos que podem afetar toda a cadeia de operações da companhia.

Além disso, a adoção do background check como etapa do onboarding digital também ajuda a oferecer uma melhor experiência aos usuários. Isso porque, uma vez que a verificação de antecedentes ajuda a simplificar o processo de validação cadastral, é possível que a companhia se previna de riscos e aprove com mais rapidez os clientes que não tenham algum tipo de pendência.

E quando falamos de departamentos antifraude, falamos de Nextcode. Oferecemos soluções de prevenção a fraudes embarcadas em alta tecnologia para verificação de identidade com agilidade e precisão, análise 100% automatizada. Estamos apoiando as instituições em seus processos de validação cadastral, e acima de tudo, prezando pelo relacionamento com seus usuários, com o propósito de identificar o que é realmente genuíno. E o Onboarding Digital está em nosso DNA. Vem pro Time Nextcode!

Não deixe de conhecer nossas soluções

Fabricio Beltran

Fabricio Beltran

CTO da Nextcode e líder de desenvolvimento. Sempre antenado às mudanças tecnológicas no que se refere à Inteligência Artificial, Onboarding Digital e Processos de Segurança de Dados.

Leave a Reply