Cada vez mais comum, o cadastro via perfil social facilita a vida do usuário e a rotina da empresa, mas requer alguns cuidados. Saiba mais:

Você já ouviu falar em cadastro via perfil social? Chamado de OAuth, ele permite que os usuários façam login em sites diversos utilizando seus dados já cadastrados anteriormente em perfis sociais, como Facebook, Google e Microsoft. Trata-se de um protocolo de autorização, cuja versão atual é a 2.0, que utiliza tokens para acessar os dados em seus sistemas.

Ao optar por se cadastrar com essa ferramenta, o consumidor permite que a empresa tenha acesso a suas informações básicas de contato, além de suas conexões, geolocalização e padrões de comportamento. Muitas vezes, a empresa também conseguirá realizar publicações automatizadas, como compartilhamento de conteúdo, no perfil do usuário.

Sua empresa está desenvolvendo ferramentas de cadastro digital? A seguir, confira as vantagens e os cuidados a serem tomados caso opte pela estratégia de OAuth:

Vantagens do cadastro via perfil social:

Aumento na taxa de conclusão do cadastro

O usuário preenche o cadastro mais rapidamente, visto que vários dados são fornecidos de seu perfil social, melhorando sua experiência de navegação e percepção da marca. Dessa forma, reduzem-se as chances do consumidor desistir do cadastro antes de concluí-lo.

Diversidade de dados

Além dos dados pessoais, como nome, e-mail e telefone, a empresa tem acesso a dados mais complexos, como de geolocalização, conexões, rede de contatos, entre outros.

Economia de recursos

Considerando que as informações de OAuth são enviadas por APIs fornecidas pelo Facebook, Google ou Microsoft, o custo total da captação de lead fica menor do que se fosse desenvolvido um sistema próprio em sua empresa.

Atualização de dados

A atualização de dados pode ser um processo caro para as pequenas empresas. Ao utilizarem OAuth, sempre que quiserem, as empresas podem capturar os dados novamente, atualizando sua base de contatos.

Cuidados

O OAuth não deve ser a única forma de cadastro de um site ou aplicativo. Isso porque ele não atende usuários que não possuem redes sociais ou conta no Google e Microsoft. Outro motivo é que ele pode também aumentar a desistência do processo de cadastro. Caso o cliente não confie em seu site, ele não compartilhará os dados de suas redes sociais com você.

Vale lembrar que, mesmo após conceder os dados, o usuário poderá, a qualquer momento, revogar o acesso. Basta que entre em sua lista de aplicativos autorizados e delete o app de seu site. Por isso, é preciso cuidado por parte da empresa para não enviar spams e não abusar da coleta e uso das informações.

Ana Maria

Ana Maria

Responsável pelo conteúdo da Nextcode. Possui vivência na área da tecnologia e conhecimento sobre recursos humanos.

Leave a Reply